Buscar por:

  • Categories

Frank Salis por Kika Carvalho

Pianista suíço Frank Salis lidera quarteto que apresenta repertório de jazz, soul, funk, blues e muito groove.

Em Nova Orleans, berço do jazz e do blues nos Estados Unidos, há uma expressão bastante popular que diz “laissez les bons temps rouler” (deixe os bons tempos rolarem, em tradução livre). Inspirado por essa máxima, o pianista e compositor suíço Frank Salis explora uma sonoridade calcada em jazz, soul, blues, funk e muito groove. À frente de seu órgão Hammond, instrumento notabilizado pelo mestre Jimmy Smith (1925-2005), Salis tem incendiado plateias por onde passa com performances cheias de energia. Para este concerto especial, gravado diretamente de Belinzona, na Suíça, traz composições próprias como “A Good Good Day”, “The Bayou”, “Sisters” e “How Much Love“. O músico já tocou com nomes como Bobby Watson, Alvin “Little Pink” Anderson, Tommy Castro e Terry Evans, e nos últimos anos tem se apresentado com a cantora gospel Lavelle Duggan e com músicos de Nova Orleans como John Boutté, Andrés Osborne e Michael Watson.

Apoio: Consulado Geral da Suíça em São Paulo e Fundação Suíça para a Cultura Pro Helvetia.

Show apresentado exclusivamente on-line. Assista pelo YouTube @sescsp e Instagram @sescaovivo.

Ficha técnica

Frank Salis (piano), André Sampaio (baixo), Daniel Macullo (guitarra) e Marco Cuzzovaglia (bateria)